O fundo do poço para Renato Gaúcho? Grêmio tem início desastroso e abala prestígio de técnico

Pedro Magalhães

Publicado :

O Huachipato venceu o Grêmio por 0 a 2 na segunda rodada do grupo C. Uma vitória histórica para os chilenos na Copa Libertadores.

A Arena do Grêmio viveu uma de suas piores noites. Em contrapartida, o Huachipato teve uma das melhores atuações internacionais de sua história. O declínio para um, o clímax para o outro. A equipe chilena venceu o Grêmio por 2 a 0.

O atual campeão chileno chegou à segunda rodada com um empate em casa contra o Estudiantes de la Plata. A visita ao Brasil não prometia muito, e as probabilidades estavam a favor do time da casa. Um Grêmio que não conseguiu vencer na primeira rodada, perdendo na Bolívia para o The Strongest.

Esperanças findas

No entanto, o passado provou ser de pouca valia. Os gols de Felipe Loyola e Gonzalo Montes foram suficientes para acabar com as esperanças da equipe brasileira. A presença de Diego Costa e Yeferson Soteldo no time titular também não gerou gols; a equipe de Javier Sanguinetti conquistou os três pontos.

Final feliz

A sorte, no entanto, estava do lado chileno. O Grêmio, desde o primeiro minuto, chegou perigosamente perto do gol do adversário. De fato, aos 30 segundos, Soteldo cabeceou um cruzamento que acertou o travessão. O gol de Martin Parra foi protegido por uma força divina.

O oposto aconteceu com Agustín Marchesín, pois o primeiro chute do Huachipato abriu o placar. Felipe Loyola, o lateral-direito do Negriazul, disparou um chute de pé direito para a rede após uma série de ricochetes. Isso, aos 13 minutos de jogo.

Keep walking

Com o placar adverso, o Grêmio continuou tentando. Cristaldo teve duas chances claras de empatar. Uma delas ocorreu na área de seis metros de Parra, onde o chute do atacante foi para a trave superior, novamente. O camisa 10 gaúcho não era bom na finalização.

E quando o fim do primeiro tempo se aproximava, os Steelers deram o segundo golpe. Em um lançamento para o gol, a bola acabou ficando com Gonzalo Montes, que com um chute de tesoura marcou o segundo gol da equipe chilena.

No segundo tempo, os brasileiros intensificaram seu ataque, mas não foram eficazes. Enquanto isso, o Huachipato solidificou sua defesa e permitiu menos chances de perigo em comparação com o primeiro tempo.

O apito final do árbitro Leodan Gonzalez selou a vitória histórica dos Steelers.

O próximo adversário é o Grêmio e o Huachipato

Com esse resultado na Libertadores, a equipe de Talcahuano subiu para o primeiro lugar do Grupo C, juntamente com o Estudiantes de la Plata. Ambos têm quatro pontos. Enquanto isso, a equipe gaúcha ficou na lanterna do grupo, ainda sem pontos.

Na próxima rodada, o Huachipato receberá o The Strongest no Estádio Cap, enquanto o Grêmio deve visitar o Estudiantes na Argentina.

Acompanhe notícias do esporte no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais

notícias

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol Sul-Americano > Copa Libertadores > O fundo do poço para Renato Gaúcho? Grêmio tem início desastroso e abala prestígio de técnico