O Corinthians deu um ultimato ao PSG: ou conclui a compra ou devolve Gabriel Moscardo

O Corinthians exige do PSG a conclusão rápida da transferência de Gabriel Moscardo, que enfrenta atrasos devido a uma lesão. O presidente do clube brasileiro, Augusto Melo, deu um ultimato, buscando o retorno do jogador caso o acordo não seja selado.

A diretoria do Corinthians não aguardará mais pelo PSG. Augusto Melo deu um ultimato aos parisienses: a contratação de Gabriel Moscardo deve ser concluída o mais rápido possível, ou o meio-campista retornará à capital paulista.

O que parecia um acordo fechado transformou-se em uma espera interminável para os brasileiros. Moscardo está em suspenso devido a uma lesão no pé esquerdo que interrompeu todos os planos com os parisienses.

Por enquanto, a transferência de 20 milhões de euros (aproximadamente R$107 milhões) pelo jovem zagueiro está em estado de espera, com data indefinida de resolução, enquanto ele permanece na expectativa no Timão.

Cansado de esperar?

Não é a primeira vez que o dirigente do Timão exerce pressão sobre os parisienses. Desde a semana passada, eles têm enviado ultimatos a Nasser Al-Khelaïfi, mas este parece não estar disposto a atendê-los.

Diante das hesitações, Melo mostrou impaciência em uma entrevista para o jornal Domingo e exigiu o retorno do jovem de 18 anos.

“Pedi para ele voltar. Se há um risco lá, há um risco aqui. Se existe o risco de não nos pagarem, que ele se recupere aqui, e estaremos em uma posição melhor para vendê-lo por ainda mais. Pedi para ele voltar. Ele está com eles, a operação será realizada, mas depois… Então devolva-o para mim. Tenho certeza de que esse garoto é uma realidade, voltará à forma e será vendido por muito mais do que é hoje. Em dois meses ele estará de volta”, foram as palavras de Melo para o Domingo.

Cresceu o olho: dirigente acha que pode ganhar um valor maior

O presidente tem a esperança de vendê-lo por um preço ainda maior quando se recuperar da cirurgia. No Corinthians Paulista, estimam que em dois meses Moscardo estará em ótimas condições físicas.

Não é surpreendente que a diretoria brasileira queira inflar o custo de Gabriel Moscardo, especialmente devido ao interesse já demonstrado pelo Barcelona e pelo Chelsea. Inclusive, esperava-se sua venda por um valor de 40 milhões de euros, tornando-o a contratação mais cara do clube.

Riscos envolvidos na negociação de Moscardo

O presidente do Paris Saint-Germain referiu-se à contratação do meio-campista como um possível “risco” devido a uma lesão e à inatividade de pelo menos dois meses. Portanto, eles esperarão ter todas as garantias de sua recuperação antes de efetivar sua contratação.

Para o Corinthians, o risco é que o clube parisiense fique com o jogador sem pagar o acordado. Segundo o Le Parisien, é provável que os do Parque dos Príncipes o contratem e o deixem emprestado no Corinthians até o final da temporada, embora também seja uma possibilidade adiar sua assinatura até o mercado de verão.

PSG está de olho em outros jovens zagueiros brasileiros

Independentemente do que aconteça nessa complicada negociação, é provável que o PSG aja após as declarações de Melo e continue sua missão de recrutar talento brasileiro. Além de Moscardo e Lucas Beraldo, o clube da capital francesa também está de olho em Estêvão Willian, do Palmeiras.

Outra possível contratação é Kaua Elias, que já elogiou a equipe parisiense. A jovem promessa do Fluminense está chamando a atenção de vários times europeus, resta saber se o PSG quer iniciar sua operação.

Acompanhe notícias do Timão no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais.

notícias

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol Brasileiro > Brasileirão Série A > O Corinthians deu um ultimato ao PSG: ou conclui a compra ou devolve Gabriel Moscardo