Brutal! O brasileiro Johnny Walker é nocauteado por Magomed Ankalaev no UFC Vegas 84

Johnny Walker enfrentou Magomed Ankalaev no UFC Vegas 84, sofrendo um nocaute no segundo round e se afastando do título dos meio-pesados. Ankalaev, agora no top 5, se aproxima da disputa pelo cinturão contra o brasileiro Poatan. Confira o resultado de outros brasileiros que atuaram no evento.

No último sábado (13), no UFC Apex, em Las Vegas, o brasileiro Johnny Walker enfrentou o russo Magomed Ankalaev em uma revanche aguardada. O confronto, que foi a luta principal do UFC Vegas 84 e teve como pano de fundo um histórico controverso, culminou em uma derrota impactante para Walker.

Com isso, um balde de água de água fria, retirada diretamente da costa ocidental do Mar Cáspio, que banha Mahackala, terra natal de Ankalaev, foi jogado sobre as esperanças de Walker de disputar o título da categoria dos meio-pesados, que se afasta momentaneamente.

O brasileiro, que tinha em vista um duelo contra o atual campeão, Alex Poatan, agora enfrenta o desafio de se recuperar do duro nocaute sofrido em Vegas, que interrompeu uma série de três vitórias consecutivas no UFC contra Ian Cutelaba, Paul Craig e Anthony Smith.

Próximo do cinturão: Ankhalaev desafia Poatan

Enquanto Walker lamenta a perda da oportunidade, Ankalaev se credencia como o próximo desafiante ao título. Ainda no octógono, o russo fez questão de dizer que Walker era uma página virada e seu agora foco é o cinturão, que está nas mãos do brasileiro Alex Poatan:

“Estava preparado para essa luta há muito tempo. Mas isso não é o mais importante, o importante é que estou preparado para lutar pelo título. Faz muito tempo que mereço essa luta. Me deem a luta pelo cinturão, por favor”, pediu Ankalaev.

A luta: Ankalaev resiste ao bom começo do brasileiro e nocauteia no segundo round

A luta entre os dois postulantes ao título dos meio-pesados começou de forma intensa, com o brasileiro se destacando pela agressividade e volume dos golpes.  Com um estilo não ortodoxo e um repertório variado de golpes, Walker abusou de chutes altos e socos rodados.

Se no primeiro round Walker dominou as ações mantendo o adversário na defensiva, no segundo round o brasileiro voltou mais passivo. Com isso, o russo foi ganhando espaço. Com Walker andando pra trás, não demorou para que o Khabib 2 litros, como o narrador André Azevedo chama o russo, achasse a distância e se sentisse confortável.

Aos 2 minutos e 40 segundos, Ankalaev conseguiu se aproximar e levou Walker à lona com um soco certeiro, seguido por mais um golpe brutal no nariz do brasileiro, que imediatamente levou a mão ao rosto, dando o sinal que o árbitro precisava para interromper a luta, decretando a vitória do russo do Daguestão.

O Brasil no octógono: desempenho dos brasileiros

Além de Walker, outros brasileiros também atuaram no UFC Vegas 84. Já na primeira luta do evento, tivemos um brasileiro estreando na organização, o Felipe Bunes, que foi nocauteado no segundo round por Joshua Van numa luta válida pela categoria peso-mosca.

 Nas duas lutas seguintes, dois brasileiros conseguiram a vitória. O peso leve Nikolas Motta nocauteou Tom Nolan, interrompendo uma série de derrotas e garantindo sua permanência na organização. Já o Jean Silva, lutador da Fight Nerds, fez sua primeira luta no UFC com uma ótima vitória sobre Westin Wilson.

 Outro brasileiro que brilhou foi Brunno Hulk, que aplicou um nocaute impressionante contra Phil Hawes na segunda luta do card principal. Além do nocaute, o brasileiro, que tem o background no judô, pôde mostrar um pouquinho das suas credenciais na luta agarrada com quedas plásticas ao longo do confronto, que acabou ainda no primeiro round.

Confira o resultado de todas as lutas do UFC Vegas 84

CARD PRINCIPAL

  • Peso meio-pesado (até 93kg): Magomed Ankalaev derrotou Johnny Walker por nocaute a 2m42s do R2
  • Peso leve (até 70,3kg): Jim Miller finalizou Gabriel Benitez com um mata-leão a 3m25s do R3
  • Peso galo (até 61,2kg): Mario Bautista derrotou Ricky Simon na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)
  • Peso médio (até 83,9kg): Brunno Hulk derrotou Phil Hawes por nocaute a 4m55s do R1
  • Peso pesado (até 120,2kg): Waldo Cortes-Acosta derrotou Andrei Arlovski na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

CARD PRELIMINAR

  • Peso meio-médio (até 77,1kg): Preston Parsons derrotou Matthew Semelsberger na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)
  • Peso galo (até 61,2kg): Marcus McGhee derrotou Gastón Bolaños por nocaute técnico (chute e soco) aos 3m29s do R2
  • Peso galo (até 61,2kg): Farid Basharat derrotou Taylor Lapilus na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)
  • Peso pena (até 65,7kg): Jean Silva derrotou Westin Wilson por nocaute técnico a 4m12s do R1
  • Peso leve (até 70,3kg): Nikolas Motta derrotou Tom Nolan por nocaute técnico a 1m03s do R1
  • Peso mosca (até 56,7kg): Joshua Van derrotou Felipe Bunes por nocaute técnico a 4m31s do R2

Fique por dentro de tudo sobre o UFC na conta oficial do torneio no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais.

notícias

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Arte Marcial > MMA > Brutal! O brasileiro Johnny Walker é nocauteado por Magomed Ankalaev no UFC Vegas 84