Adesanya pinguço? Nigeriano vive fase complicada dentro e fora do UFC

Publicado :

Israel Adesanya, ex-campeão do peso-médio do UFC assumiu a culpa por dirigir embriagado na Nova Zelândia, antes de sua derrota para Strickland. O nigeriano expressou arrependimento e reconheceu a responsabilidade como figura pública. Antes disso, Adesanya era um lutador invicto e conhecido por seu comportamento arrogante, inclusive provocando seus adversários, como Alex Poatan. Rivalidades intensas são uma característica marcante nas artes marciais mistas e no UFC.

A Bruxa tá solta pra Adesanya! Desde que perdeu, de forma inesperada, a luta e o cinturão do peso-médio para para Sean Strickland, o nigeriano vem vivendo dias complicados. Ninguém esperava a sua derrota, ao escalá-lo como garoto propaganda da versão deluxe do próximo lançamento do game UFC 5. Agora, ele está envolvido em um problema legal por dirigir embriagado na Nova Zelândia.

Bêbado ao volante

Adesanya foi pego dirigindo bêbado, numa blitz na cidade de Auckland. O incidente ocorreu três semanas antes da luta decisiva contra Sean Strickland, que viria a tirar-lhe o cinturão, realizada em 9 de setembro na Austrália. Na ocasião, o nigeriano foi detido pela polícia, e os resultados dos testes revelaram que Adesanya apresentava 87 miligramas de álcool por 100 mililitros de sangue em seu corpo, um valor acima do limite legal estabelecido de 50 miligramas na Nova Zelândia.

Culpado!

Israel assumiu a culpa pelo incidente, numa audiência realizada no último domingo. Além disso, emitiu um comunicado ao ‘The New Zealand Herald’:

 “Quero pedir desculpas à comunidade, à minha família e à minha equipe pela decisão que tomei de sentar ao volante depois de beber no jantar. Estou decepcionado com minha decisão de dirigir. Foi errado. Sei que as pessoas podem me seguir e quero que saibam que não acho que esse comportamento seja aceitável.”

Currículo dos bons

Vale lembrar que, até pouco antes desse episódio, Adesanya era o ‘menino dos olhos’ de Dana White: desfrutava de uma carreira notável no UFC, mantendo-se invicto na categoria de peso-médio e exibindo um comportamento frequentemente arrogante, considerando-se o melhor lutador do mundo, com constante aval da Liga para manter sua performance. No entanto, essa aura de invencibilidade foi abalada com a derrota para Strickland e, agora, com a polêmica envolvendo a acusação de dirigir sob influência de álcool.

Poatan vendo o mundo rodar

Parte da trajetória do nigeriano no UFC envolve rivalidades intensas, algo normal no mundo das lutas. Uma das mais célebres, entretanto, é com o brasileiro Alex Poatan, quem chegou a vencer Adesanya no kickboxing em duas oportunidades. Ao saber da polêmica, Poatan não pôde deixar de comemorar. Afirmou que, antes mesmo de entrar no UFC,  Adesanya o menosprezou, chamando-o de um “bêbado desconhecido” no passado. Agora, sem o cinturão de peso-médio, e com uma condenação por dirigir alcoolizado, o brasileiro se sente de alma lavada ao perceber que o mundo não gira: ele capota.

Acompanhe novidades do UFC no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais.

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 23 de Julho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Destaques > Adesanya pinguço? Nigeriano vive fase complicada dentro e fora do UFC