Flávio Gomes dispara sobre a nova fase da ESPN: ‘está uma bost*’

O jornalista Flávio Gomes foi entrevistado no canal Flow Sports Club, no YouTube, e falou sobre a ESPN, canal por onde trabalhou por muitos anos e posteriormente foi prestar serviços no FOX Sports que, tempos depois, fez fusão com a própria ESPN.

Para ele, a marca do canal, que virou uma peça essencial na relação com os telespectadores, deixou de existir.

“Era muito evidente que não iria haver espaço no Brasil para uma empresa só manter sete canais de esportes no ar. É uma pena porque a ESPN também não é mais a ESPN que já foi. Tenho dezenas de amigos lá, mas eu lamento dizer que está uma bost*. Ela deixou de ser a ESPN Brasil. É muito triste porque foi um canal muito importante. Me desculpem os amigos, mas está uma bost* pelo conjunto da obra. As pessoas são muito competentes e preparadas, mas ela perdeu personalidade“, analisou.

Por conta da nova roupagem da emissora, ele a comparou com o RB Bragantino. “É o Red Bull que comprou o Bragantino. Você não vê mais a ESPN como um canal que tem uma marca. Qual a característica marcante da ESPN? Na época do Trajano ainda tinha uma coisa meio p… louca e engajada pra cacete. A Fox era mais entretenimento, tinha uma cara… que cara tem a ESPN hoje? Obrigar os mesmos caras a botar um paletó nos caras? Aqueles caras nem são assim (…) É uma tristeza, e a Fox acabou tudo”, afirmou.

flávio gomes

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 03 de Outubro 2023

Novibet Sport

Bônus

R$ 300+ 30 Rodadas Grátis

888 Sport

Bônus

R$ 200

Legend Play Sports

Bônus

R$ 1.750

Royalistplay Sports

Bônus

R$ 500

Leovegas Sport

Bônus

R$ 150

1 comentário em “Flávio Gomes dispara sobre a nova fase da ESPN: ‘está uma bost*’”

  1. Os comentários dele são uma mistura de ressentimento e recalque. Realmente não é mais a ESPN de outros tempos, mas… Vida longa à ESPN e seus canais! Se formos depender somente de Sportv (Grupo Globo) tamo fu…!

    Responder
Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Flávio Gomes dispara sobre a nova fase da ESPN: ‘está uma bost*’