Mauro Cezar e Benja falam sobre o fim das marcas Espn Brasil e Fox Sports

Na última segunda-feira (17) a Disney mudou a nomenclatura de vários de seus canais esportivos com destaque para o fim das marcas Espn Brasil, que passou a se chama apenas Espn, e Fox Sports que mudou o nome para Espn4. Dois jornalistas com passagem pelas emissoras, falaram sobre o fim das mesmas: Mauro Cezar Pereira que trabalhou na Espn Brasil e Benjamin Back que comandou por anos o ‘Fox Sports Rádio’.

Mauro afirmou que vestiu com paixão a camisa da Espn Brasil quando da direção de José Trajano. “Sobre o fim da ESPN Brasil, digo que se “vesti” com paixão camisas no jornalismo, uma delas foi a do canal cujo lema era “informação é o nosso esporte”. Uma honra ter integrado o time do grande @ultrajano. Ele é único!”, escreveu.

Já Benja disse que fizeram o enterro formal do Fox Sports. “Ele deixou de existir há mais de um ano, agora só fizeram o enterro formal! Acabaram com o melhor canal de esportes da tv fechada! Agora é terno, box to box, uma nutelagem só… Infelizmente quem perde é o consumidor”, apontou.

benjamin back

Espn

Fox Sports

mauro cézar pereira

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 16 de Abril 2024

KTO Sport

Bônus

R$ 200

EsportesdaSorte Sports

Bônus

R$ 300

BCGame Sports

Bônus

R$ 1.080.948

Parimatch Sports

Bônus

R$ 500

Starda Sports

Bônus

R$ 500

Legend Play Sports

Bônus

R$ 1.750

Roobet Sports

Bônus

R$ 80

Royalistplay Sports

Bônus

R$ 500

Leovegas Sport

Bônus

R$ 150

IZZI Sport

Bônus

R$ 500

Bet7k Sports

Bônus

R$ 7.000

3 comentários em “Mauro Cezar e Benja falam sobre o fim das marcas Espn Brasil e Fox Sports”

  1. Esse Benja é bem beócio, para dizer o mínimo. O cara usa esse falso problema, a linguagem tática do futebol, para criticar algo que está ruim muito pelo excesso de “zoeira” que ele mesmo fazia no FOX Sports Rádio. Não creio que o problema da ESPN está no fato de usarem os termos táticos no futebol, ainda que realmente exista uma certa empáfia em alguns comentaristas por ali, como se só na ESPN existisse o conhecimento sobre futebol. O problema maior está no excesso de programas iguais, falando as mesmas coisas e as tentativas forçadas de ser engraçado, coisa que na ESPN soa muito mal a algum tempo.

    O mais bizarro disso é que o FOX Sports Rádio, apesar de alguns absurdos, nem era o pior programa ali pois pelo menos assumia que era só palhaçada. O duro são os programas que fingem ser sérios e não são uma coisa nem outra. (Pode parecer incoerência, mas não é, rs). O problema da ESPN vem antes da FOX e, mesmo eu não gostando do Benja, entendo que a fórmula do FSR era mais clara e dentro de uma lógica.

    Responder
  2. Ultimamente a maioria na verdade tá BostaToBosta, descontração e humor não faz mal pra ninguém, mas o piadismo, mimimi, nutelagem e lacração se tornaram a base desses programas.

    Responder
Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Profissionais > Mauro Cezar e Benja falam sobre o fim das marcas Espn Brasil e Fox Sports