“É direito de qualquer clube vender [transmissão de jogos] pelo valor que achar melhor”, diz Mauro Cézar

O Flamengo estreou neste sábado (18) no Campeonato Carioca enfrentando o Macaé. O duelo não teve transmissão de nenhuma mídia já que o rubro-negro não entrou em acordo com o Grupo Globo com relação aos valores de direitos de imagem.

Na opinião de Mauro Cezar Pereira, em seu blog no UOL, os clubes não têm obrigação de aceitar o que a TV oferece. “Há décadas a Globo, que de tempos para cá adotou a palavra “grupo” para se referir ao conglomerado de comunicação da família Marinho, transmite tudo no futebol brasileiro. Concorrentes tentaram tirar dela tal condição, em geral sem sucesso. Estaria pedindo dinheiro demais, se considerando muito superior a outros clubes etc. Soberba? Talvez. Mas é direito do Flamengo, do Atlhetico, de qualquer clube vender pelo valor que achar melhor”, afirmou.

“Quando os preços dos campeonatos francês e italiano dispararam, motivados pelas presenças de Neymar e Cristiano Ronaldo, respectivamente, nenhuma emissora de televisão do país adquiriu tais certames. Hoje ambos estão no streaming, pela DAZN. Então não mostrem os jogos do Flamengo, já que não valem o que os rubro-negros pedem”, completou.







mauro cézar pereira

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 25 de Setembro 2023

Novibet Sport

Bônus

R$ 300+ 30 Rodadas Grátis

888 Sport

Bônus

R$ 200

Legend Play Sports

Bônus

R$ 1.750

Royalistplay Sports

Bônus

R$ 500

Leovegas Sport

Bônus

R$ 150
Deixe um comentário

Você está aqui: Início > “É direito de qualquer clube vender [transmissão de jogos] pelo valor que achar melhor”, diz Mauro Cézar