Imbróglio entre CBF e BR Foot impede clubes de buscarem alternativas para os direitos internacionais do Brasileirão

Atualizado :



Os clubes que disputam o Campeonato Brasileiro se articulam para buscar um novo comprador para os direitos internacionais e placas estáticas do certame, após a BR Foot suspender e não pagar o acordo assinado por essas propriedades. Todavia, de acordo com o UOL Esporte, por Rodrigo Mattos, a disputa jurídica entre a CBF e a empresa não tem um prazo para ser concluída e isso emperra novas negociações.

AINDA SOBRE O ASSUNTO
Empresa suspende contrato de transmissão do Campeonato Brasileiro no exterior

A BR Foot, ainda segundo o UOL, foi para o mercado tentar levantar o dinheiro para o pagamento do contrato. Não conseguiu e esse é um dos motivos do pedido de suspensão do acordo.

Coirnthians, Athético/PR nalisam a proposta do fundo Prudent. Esses dois clubes juntamente com o Flamengo já tinham levantado que existia essa oferta alternativa, mas, na época, a CBF não quis analisá-la alegando que o acordo estava fechado com a BR Foot. Há uma minuta de contrato em negociação com o fundo Prudent nas mãos dos clubes.

Mas a questão é que o imbróglio entre CBF e BR Foot ainda não tem prazo para ser concluído. É provável que se desenrole judicialmente. Neste cenário, os direitos de 18 clubes, com exceção do Atlético-PR e do Flamengo, estão presos à empresa.

Há dirigentes de clubes que defendem que o contrato frágil permitiria um rompimento mais rápido, mas não é como o cenário é visto na CBF. A entidade entende que há uma multa a ser paga pelo descumprimento do acordo. E não sabe se volta a botar na mesa todos os interessados anteriores nas propriedades que participaram de licitação.



Aposta nas melhores casas de apostas do dia 13 de Julho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Sem categoria > Imbróglio entre CBF e BR Foot impede clubes de buscarem alternativas para os direitos internacionais do Brasileirão