Coração de ouro: Vinicius Jr. viaja em missão humanitária ao Marrocos

O jogador brasileiro está aproveitando ao máximo seus dias de folga com a equipe merengue.

Vinicius Jr. viajou com a UNESCO para Marrakech para uma campanha com a agência da ONU. O jogador de futebol da seleção brasileira tem se destacado como o rosto de várias campanhas sociais. Nessa ocasião, ele emprestou sua figura e apoio a uma missão em colaboração com os mais desfavorecidos da cidade marroquina. Ele visitou escolas primárias e secundárias.

O jogador do Real Madrid aproveitou os dias de folga de Carlo Ancelotti para viajar. Há algum tempo, Vini vem colaborando com a UNESCO em várias campanhas. A organização utiliza uma das estrelas do mundo do futebol para promover suas atividades sociais. O jogador de futebol de sete dos Merengues tem se mostrado aberto a colaborar.

Visita ao Marrocos

Sua visita ao Marrocos também se enquadra na estrutura da fundação que o jogador de futebol criou recentemente. Trata-se da Fundação Vini Jr., que está encarregada de ajudar na educação das crianças mais desfavorecidas. Vinicius também é Embaixador da Boa Vontade da UNESCO.

O ex-jogador do Flamengo acabou de jogar na partida do time de Madri contra o Rayo Vallecano. Apesar do cansaço físico da partida, o carioca fez a longa viagem até Marrakech. Seu compromisso com diversas causas beneficentes e contra o racismo é notório.

Nas redes sociais, foram divulgadas imagens do brasileiro visitando as escolas da cidade. A UNESCO, por sua vez, agradeceu a visita do craque do Real Madrid. Essa é uma boa iniciativa que dá às crianças mais desfavorecidas a oportunidade de receber treinamento e ter uma vida decente.

Vinicius Jr. continua recebendo insultos racistas na La Liga

O atleta ala da La Liga recebeu mais uma vez insultos racistas quando chegou com sua equipe de ônibus para o pré-jogo contra o Getafe no estádio Coliseum. A partida foi disputada há duas semanas. Após os acontecimentos, a competição não tomou nenhuma decisão em relação aos atos de racismo.

No ano passado, Vinícius, que lidera uma campanha contra o racismo no futebol, foi vítima desse tipo de agressão, o que gerou um grande alvoroço na mídia e até provocou repúdio no Brasil. O caso Vinícius levou o estado da Paraíba, no nordeste do Brasil, a promulgar a lei “Vini Jr.”, que combate o racismo em eventos esportivos.

A lei prevê campanhas educativas de combate ao racismo e a divulgação de políticas públicas de assistência às vítimas. Também é obrigatório interromper uma partida em andamento em caso de denúncia ou comportamento racista. Por enquanto, espera-se que haja regulamentações semelhantes na liga espanhola. Na Série A da Itália, também foram adotadas medidas contra o racismo.

Acompanhe notícias do esporte no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais.

notícias

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol Europeu > Espanha > La Liga > Coração de ouro: Vinicius Jr. viaja em missão humanitária ao Marrocos