Chapéu nos rivais! Botafogo contrata Luiz Henrique por R$ 106 milhões

John Textor e Botafogo surpreendem rivais como Flamengo, Fluminense e Corinthians e garantem a chegada de Luiz Henrique por valor recorde para o alvinegro carioca.

O que aconteceu?

O Botafogo acaba de realizar a contratação mais cara de sua história ao fechar acordo para trazer Luiz Henrique, atacante de 23 anos, por incríveis R$106 milhões. A negociação, conduzida pelo empresário John Textor, dono da SAF alvinegra, bateu o recorde não só do clube carioca, mas também se tornou a quinta maior transação já realizada no futebol brasileiro.

O jogador, que ainda este mês estava em campo pelo Real Betis, da Espanha, foi disputado por grandes clubes brasileiros, como Flamengo, Fluminense e Corinthians. O valor da transferência para o Botafogo, no entanto, alcançou os 20 milhões de euros, superando em muito o que seus rivais queriam gastar para adquirir o jovem atacante.

Luiz Henrique: entre o Lyon e o Botafogo

Especula-se que Luiz Henrique teria sido adquirido para jogar pelo Lyon, clube francês também pertencente a John Textor, mas, ao final das negociações, a escolha foi pelo Glorioso. O atacante, que deve se apresentar ao clube em breve, tem perspectivas de, no futuro, integrar a equipe francesa, porém, sem uma data certa para essa transição.

O retorno do jogador ao Brasil tem como objetivo proporcionar mais tempo em campo para Luiz Henrique, que teve uma passagem pelo Bétis com altos e baixos, marcando quatro gols e contribuindo com 10 assistências em 63 partidas. A expectativa é que o atleta, revelado nas categorias de base do Fluminense, retome o sucesso no futebol brasileiro e possa chegar à Seleção Brasileira.

Acompanhe mais notícias do Botafogo no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais.

notícias

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol Brasileiro > Brasileirão Série A > Chapéu nos rivais! Botafogo contrata Luiz Henrique por R$ 106 milhões