Bateu o arrependimento? Roberto Firmino está doido para sair da Arábia

Roberto Firmino está ansioso para deixar a liga saudita e retornar à Premier League devido a dificuldades de adaptação, tensões com o Al-Ahli e pressão por maus resultados. O Fulham e equipes turcas mostram interesse em sua contratação.

Em uma reviravolta surpreendente, Roberto Firmino estaria considerando deixar a liga saudita para voltar à Premier League. Apesar do contrato lucrativo e da oportunidade de ser pioneiro em uma liga em crescimento, parece que o herói de Anfield está ansioso para retornar à terra onde se formou como atleta.

As principais razões para essa decisão incluem as dificuldades de adaptação ao país asiático, as tensões com o Al-Ahli e a pressão exercida pelos proprietários do clube saudita devido aos maus resultados.

Os próximos dias da janela de transferências serão cruciais para decidir se Bob volta à Premier League ou busca continuar sua carreira como agente livre.

Contratempos no Al-Ahli

Apesar de ter chegado ao país do golfo pérsico há apenas sete meses, ganhando mais de 22 milhões de euros por ano, Roberto Firmino já deseja sair. Desde sua estreia no Al-Ahli, o astro brasileiro marcou apenas um hat-trick em seu primeiro jogo e deu três assistências em 19 aparições nesta temporada.

Desde então, o desempenho do atacante diminuiu, perdendo sua posição no time titular após acumular oito suplências consecutivas. O treinador Matthias Jaissle parou de escalá-lo como titular e o retirou de sua posição original como centroavante. S

eu desempenho não conseguiu igualar o que ele mostrou em seu tempo no Liverpool. A pressão dos dirigentes do time pelo desempenho insatisfatório também afetou o brasileiro. Apesar de ser um time recém-promovido que conseguiu contratar jogadores como Mahrez, Mendy, Kessié e o próprio Firmino, ainda estão longe das primeiras posições.

Fulham com F De Firmino

Atualmente, o Fulham está buscando opções para reforçar seu ataque, e o clube inglês pode ver Roberto Firmino como uma valiosa adição à equipe. Com Raúl Jiménez substituindo Aleksandar Mitrovic, que se mudou para a Saudi Pro League no verão, os Cottagers podem estar dispostos a fortalecer sua linha de ataque com a experiência e qualidade comprovada de Roberto.

Embora outros nomes estejam sendo mencionados em relação ao Fulham, incluindo Andre Silva, a possibilidade de contratar Firmino acrescentaria um nível maior de experiência ao ataque da equipe no oeste de Londres.

Na Turquia, também há interesse em seus serviços, assim como em sua terra natal, o Brasil, onde ele poderia retornar após 13 anos. Corinthians e Atlético Mineiro buscam oferecer espaço na equipe e trazê-lo de volta para jogar a Copa Sul-Americana.

Há até mesmo especulações sobre um possível retorno à Premier League, com o Nottingham Forest e o Sheffield United, times que estariam mais do que interessados em tê-lo.

Outros que deixaram o barco

Firmino não é o único jogador que poderia considerar deixar a Arábia nesta janela de transferências. Jota, o jogador português que faz parte do Al-Ittihad de Karim Benzema, não foi registrado na Liga.

Como resultado, desde agosto passado, ele teve apenas a oportunidade de participar do Mundial de Clubes e da Champions Asiática. O mais desanimador é que ele se juntou com um contrato de 30 milhões de euros apenas um mês antes.

Além disso, Henderson parece estar disposto a renunciar ao seu contrato lucrativo, que ultrapassa os 40 milhões de euros, para buscar novas oportunidades. Os maus resultados do Al Ettifaq, o descontentamento com a diretoria, além do ambiente cultural e social, são alguns dos principais motivos que levaram Henderson a considerar sua saída.

Acompanhe notícias do esporte no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais.

notícias

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol de Seleções > Bateu o arrependimento? Roberto Firmino está doido para sair da Arábia