Os 10 jogos mais fantásticos da Liga dos Campeões

Publicado :

Quando se pensa na Liga dos Campeões, vêm à mente palavras como glória, emoção, bom futebol e, acima de tudo, duelos de admirar. Fique atento a este artigo e descubra os 10 jogos mais emblemáticos da Liga dos Campeões.

10 jogos mais emblemáticos da Liga dos Campeões

A Liga dos Campeões é o palco que reúne magia, talento e grandeza. Um torneio lendário, onde todos os clubes que se qualificam anseiam por erguer a “Orelhuda” para tocar a glória. Aqui estão os 10 jogos mais emblemáticos da Liga dos Campeões.

10- Liverpool x FC Barcelona em 2019

O Barcelona havia vencido o Liverpool por 3-0 no Camp Nou, na primeira mão das meias-finais da Liga dos Campeões. A alegria dos blaugranas era palpável, até o minuto 7 da segunda mão, quando Divock Origi marcou o primeiro gol da virada dos Reds.

A equipe inglesa manteve seu bom ritmo diante dos constantes erros dos Culés. Em uma dessas recuperações, surgiu o 2-0, com um cruzamento rápido que Georginio Wijnaldum finalizou bem aos 54 minutos. Dois minutos depois, repetiu o feito com um cabeceamento que resultou no 3-0 para os Reds.

Com a eliminatória empatada e o Barcelona abalado, Origi deu a vitória ao Liverpool em Anfield com uma jogada planejada. Alexander-Arnold enganou os blaugranas ao fingir que não cobraria o escanteio, e Origi rematou em frente à baliza para fazer o 4-0.

 

Foto: Marca.

9- Real Madrid x Juventus em 2017

Para este jogo, tudo estava a favor da Juventus, que chegou à final de Cardiff com menos de três gols sofridos em todo o torneio. Embora nos primeiros minutos a Vecchia Signora tenha tido várias oportunidades de gol, o Real Madrid não permitiu e, junto com Cristiano Ronaldo, converteu o primeiro gol aos 20 minutos.

A Juve não ficou de braços cruzados e respondeu aos 27 minutos com um remate em tesoura de Mario Mandžukić, fazendo o 1-1. Esse foi o ponto alto do segundo tempo da Juventus; era a vez dos merengues dominarem. Aos 61 minutos, Casemiro enviou uma bomba para a baliza, que Buffon não conseguiu parar, fazendo o 1-2.

A partir daí, a equipa de Turim não entrou no jogo. O Madrid aproveitou para fazer o 1-3 com um cruzamento de Modric para Cristiano. Com tudo contra, e mesmo com um jogador a menos em campo, a Juve via o título como um objetivo distante, cenário que se concretizou quando Marco Asensio fez o 4-1 aos 90 minutos.

Foto: El País

8- FC Barcelona x Paris Saint Germain em 2017

O Barcelona buscou a virada contra o PSG depois de ser goleado por 4-0 na França. Desde o início, Suárez reduziu a desvantagem com o 1-0 aos 3 minutos, e continuaram a tentar marcar mais gols, levando ao gol contra de Layvin Kuzawa, aos 40 minutos.

No início da segunda parte, os blaugranas beneficiaram de uma grande penalidade, convertida por Lionel Messi aos 50 minutos. A ganhar por 3-0, o PSG fez o 3-1 através de Cavani aos 62 minutos, o que obrigou a uma grande penalidade. Neymar fez o 4-1 de livre e o 5-1 de penálti aos 88′ e 90+1‘, respetivamente. Com o empate e a poucos minutos do fim do jogo, Sergi Roberto marcou o gol da vitória aos 90+5’, após finalizar o cruzamento de Neymar da marca de grande penalidade.

Com esta grande virada, os parisienses avançaram para as oitavas de final depois de terem esmagado os parisienses no Camp Nou.

Foto: FC Barcelona

7- Real Madrid vs Manchester City em 2022

O Manchester City era favorito contra o Real Madrid, mesmo jogando no Santiago Bernabéu. Os citizens foram superiores durante a maior parte do jogo.

O Madrid teve uma ou duas oportunidades, mas o domínio foi do Manchester. Era praticamente certo que a equipa inglesa se qualificaria para a final, especialmente quando Riyad Mahrez fez o 1-0 aos 73 minutos.

O City perdeu várias oportunidades e pagou caro por isso. Quando tudo parecia pronto, o gol chegou aos 90 minutos, com Rodrygo empatando em 1-1. A partir desse momento, tudo mudou para os ingleses. O Madrid cresceu e, aos 90+1′, já estava empatado a 2-1 com mais um gol do brasileiro.

Aos 95′, Karim Benzema marcou o gol da vitória, após a marcação de uma grande penalidade a favor da Casa Blanca. Desta forma, com essa mística, o Real Madrid qualificou-se para a final, a sua 17ª final da Liga dos Campeões.

Foto: Gol Caracol

6- Real Madrid x Atlético de Madrid em 2014

Um grande jogo foi disputado em Lisboa entre duas equipes espanholas. Real Madrid e Atlético de Madrid estiveram em constante ataque durante todo o jogo. Tanto Courtois quanto Casillas fizeram várias intervenções importantes para manter a baliza a zero. Até ao minuto 36, quando o goleiro merengue não conseguiu afastar a tempo um cabeceamento de Diego Godín para fazer o 0-1.

O Madrid continuou a procurar o gol do empate no pouco que restava da primeira parte e no resto do jogo. Tentaram várias vezes até que, nos descontos, quando os colchoneros já festejavam o título, um cabeceamento de Sergio Ramos empatou o jogo. O jogo foi para o prolongamento com 1-1.

Após o gol do empate, o Atlético nunca mais foi o mesmo. A festa merengue começou aos 110 minutos, quando Gareth Bale fez o 2-1 com um gol de cabeça. Aos 118 minutos, Marcelo foi encorajado a rematar na área para aumentar a diferença para 3-1.

A cereja no topo do bolo veio com um pênalti marcado por Cristiano Ronaldo no minuto 120. Assim, o Real Madrid conquistou a sua décima Taça dos Campeões Europeus.

Os 10 jogos mais emblemáticos da Liga dos Campeões: Real Madrid vs Atlético de Madrid
Foto: Marca.

5- Chelsea x FC Barcelona em 2005

O Chelsea recebeu o Barcelona em Stamford Bridge para a segunda mão dos oitavos de final. Os Blues já tinham uma vantagem de um gol, mas procuraram garantir o apuramento desde o primeiro minuto. Aos 20 minutos de jogo, estavam com três gols de vantagem.

Eiður Guðjohnsen marcou o primeiro aos 8 minutos, com um remate em frente à baliza. Frank Lampard fez o segundo aos 17 minutos, aproveitando uma má defesa do goleiro. Aos 19 minutos, Damien Duff rematou de forma excelente, elevando o resultado para 3-0.

Ronaldinho deu esperança aos blaugranas ao marcar um pênalti aos 27′ e ainda fez o 3-2 com um truque dentro da área. As oportunidades continuaram a surgir para ambas as equipas, mas ninguém converteu. John Terry selou o jogo para o Chelsea com um cabeceamento poderoso aos 76 minutos. O jogo terminou 4-2 a favor do Chelsea.

Os 10 jogos mais emblemáticos da Liga dos Campeões: Chelsea vs Barcelona
Crédito da fotografia: Chelsea FC

4- AC Milan x Liverpool em 2005

Para alguns, esta é a melhor final da história da Liga dos Campeões. Dois gigantes europeus defrontaram-se em Istambul, num confronto que ficou na história pelo resultado e pelos jogadores lendários em campo.

O Milan começou bem, com Paolo Maldini fazendo o 1-0 no primeiro minuto. Aos 39 minutos, uma jogada elaborada resultou em Hernán Crespo fazendo o 2-0.

Os Reds tentaram reduzir a desvantagem, mas os gols não surgiam. A segunda parte tomou um rumo inesperado, com o Liverpool marcando três gols em seis minutos, incluindo um pênalti convertido por Xavi Alonso. O resultado permaneceu em 3-3, e o Liverpool venceu nas penalidades, levantando a Taça Orelhuda.

Os 10 jogos mais emblemáticos da Liga dos Campeões: Liverpool vs MIlan
Foto: CNN

3- Deportivo La Coruña x AC Milan em 2004

Neste jogo, o Deportivo La Coruña qualificou-se para as meias-finais da Liga dos Campeões pela primeira vez na sua história contra o poderoso Milan. Depois de perder por 4-1 em San Siro na primeira mão dos quartos de final, a equipa espanhola chegou ao Riazor com o objetivo de inverter o empate.

Nessa época, o Deportivo La Coruña era a sensação do campeonato por tudo o que estava fazendo. Apesar da pesada derrota em solo italiano, ainda tinha em vista um grande feito no seu estádio, que começou logo no quinto minuto com um gol de Walter Pandiani que deixou Maldini sem qualquer chance.

Aos 35′, Juan Carlos Valerón cabeceou um cruzamento que resultou no segundo gol da equipa espanhola. Aos 44 minutos, Alberto Luque recebeu um lançamento longo do seu goleiro, permitindo-lhe correr e fugir à defesa do Milan para fazer o 3-0.

Na segunda parte, o La Coruña continuou a ser superior no ataque e no gol, mantendo a sua área bem protegida dos italianos. Sabendo que o resultado agregado era de 4-4, os espanhóis deram o golpe final aos 76 minutos com um remate potente de Fran González, terminando a primeira parte com um resultado de 4-0 e um resultado global de 5-4.

Foto: SPORT

2- Manchester United x Real Madrid em 2003

Para este jogo, os Red Devils recebiam a Casa Blanca depois de terem perdido por 3-1 na primeira mão das quartas de final no Bernabéu. Desde o primeiro momento do jogo, o Manchester procurou a virada. No entanto, a tarefa tornou-se ainda mais difícil quando Ronaldo abriu o placar para o Real Madrid aos 12 minutos.

Mas o jogo não terminou aí. Apesar de não terem criado muitas oportunidades no início do jogo, aos 43 minutos, os Red Devils conseguiram igualar. Ruud van Nistelrooy fez o 1-1 depois de receber um cruzamento em frente à baliza.

A segunda parte foi a mais emocionante. Começou com um gol de O Fenômeno aos 50 minutos, que foi rapidamente anulado quando Iván Helguera marcou um gol contra, restabelecendo o empate na partida.

Ronaldo voltou a ser o herói ao marcar o seu terceiro gol do jogo aos 59 minutos, com um remate imparável à baliza. Aos 63 minutos, entrou em campo aquele que viria a ser a estrela do jogo dos Red Devils: David Beckham. Os 7 do United selaram uma atuação fantástica ao marcar dois gols e fazer o 4-3 a favor da sua equipa.

Apesar de o Real Madrid ter perdido este jogo, qualificou-se para as meias-finais por ter mais um gol do que o United no cômputo geral.

Os 10 jogos mais emblemáticos da Liga dos Campeões: Madrid vs. United
Foto: Daily Mail

1- Manchester United vs Bayern de Munique em 1999

Em 26 de maio de 1999, o Manchester United e o Bayern de Munique disputaram uma das mais emblemáticas e dramáticas finais da Liga dos Campeões no Camp Nou. Depois de se terem defrontado por duas vezes na fase de grupos da mesma temporada, Bávaros e Red Devils chegaram com iguais chances de vencer.

Embora não houvesse favoritos para levantar a taça, o jogo foi favorável à equipa alemã depois de ter sofrido um gol cedo. Uma falta perto da área deu ao Bayer de Munique a oportunidade de cobrar o primeiro livre do jogo, que foi perfeitamente cobrado por Mario Basler, fazendo o resultado de 0-1 a favor do Bayern.

No entanto, este fato não desanimou os Red Devils. Procuraram o gol do empate durante todo o jogo, até que este lhes foi concedido. A bancada bávara já festejava a vitória quando, a 30 segundos do fim dos 90 minutos, foi marcado um escanteio a favor do Manchester, que acabou por entrar no fundo das redes. 1-1 com um gol de Teddy Sheringham.

A tragédia para o Bayern não terminou aí. Ainda nos descontos, o United ganhou mais um escanteio. Dos pés de David Beckham saiu um cruzamento que Ole Gunnar Solskjær aproveitou para fazer o 2-1 para o United.

Este jogo viria a ser a primeira grande virada a que a Liga dos Campeões assistiria numa final.

Os 10 jogos mais emblemáticos da Liga dos Campeões: United vs Bayern.
Foto: The Sun

Resultados dos 10 jogos mais emblemáticos da Liga dos Campeões

Jogo Resultado
Manchester United vs Bayern de Munique 2-1
Manchester United vs Real Madrid 4-3.
Deportivo La Coruña vs AC Milan 4-0.
AC Milan vs Liverpool (2) 3-3 (3).
Chelsea vs. FC Barcelona 4-2.
Real Madrid vs Atlético de Madrid 4-1.
Real Madrid vs Manchester City 3-1.
FC Barcelona vs Paris Saint Germain 6-1
Real Madrid vs Juventus 4-1.
Liverpool vs FC Barcelona 4-0.





tops

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 13 de Junho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol Europeu > Champions League > Os 10 jogos mais fantásticos da Liga dos Campeões