Difamação: após retirada do card do UFC 294, Charles do Bronx lida com língua infame dos inimigos

Publicado :

A retirada de Charles do Bronx do UFC 294 em Abu Dhabi, devido a um corte na sobrancelha, causou surpresa no mundo do MMA e gerou especulações. Belal Muhammad questionou as circunstâncias da lesão, sugerindo que Charles poderia ter evitado a luta de propósito. Isso provocou a insatisfação de Dana White, presidente do UFC, que expressou seu descontentamento deixando de seguir Charles do Bronx no Instagram. O substituto de Charles, Alexander Volkanovski, enfrenta o desafio de bater o peso em curto prazo, aumentando a tensão em torno do evento.

A notícia da saída de Charles do Bronx do aguardado UFC 294, que ocorre no próximo dia 21 de outubro em Abu Dhabi, segue surpreendendo. O brasileiro, que estava programado para enfrentar Islam Makhachev em uma revanche fundamental em sua carreira, teve que ser retirado devido a um incidente tolo que desencadeou um corte profundo em sua sobrancelha. A lesão, que ocorreu a apenas dez dias do combate, gerou uma série de questionamentos e especulações no mundo das lutas.

Belal Muhammad falou o que pensa

Belal Muhammad, um lutador norteamericano de raízes palestinas, atualmente classificado em terceiro lugar no ranking dos meio-médios, fez declarações polêmicas sobre a batida em retirada do Bronx. Muhammad questionou o momento da lesão, insinuando que o mesmo poderia ter evitado a luta em Abu Dhabi de forma deliberada. Muhammad afirmou no Youtube: 

Charles conseguiu o que queria. Ele não lutará em Abu Dhabi. Como lutador, você entende o jogo, certo? O treinamento é a parte mais difícil. Mas, a maior luta da sua vida, a maior revanche da sua vida, você recebe um corte 10 dias antes da luta na sobrancelha? Tipo, com quem você está treinando, mano? Para mim, Charles nunca quis ir para Abu Dhabi. Ele nunca quis lutar em território inimigo… Eu digo que ele fez isso propositalmente? Sabe-se lá. Mas optou por não lutar”

Dana White meteu unfollow

O presidente do UFC, Dana White, não ficou nada contente com a reviravolta nos planos do UFC 294. A necessidade de encontrar um substituto de última hora para lustrar contra Makhacvhev, a dez dias do evento, não agradou em nada o poderoso chefão do MMA. Como forma de manifestar seu desagrado, Dana White deixou de seguir Charles do Bronx no Instagram, demonstrando insatisfação com o contratempo que abalou o evento.

Volkanovski assume o desafio 

Diante da desistência de Charles do Bronx, o atual campeão dos pesos penas, Alexander Volkanovski, assumiu o desafio de enfrentar Islam Makhachev no UFC 294. Apesar disso, a mudança de categoria apresenta um intenso desafio para Volkanovski, já que ele agora precisa bater o peso dos leves, com um limite de 70,3kg. Com a luta se aproximando, o australiano precisa correr contra o tempo para alcançar esse peso e estar pronto para a luta principal do card, que acontece em Abu Dhabi, Emirados Árabes, neste sábado, 21. 

Acompanhe no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais.

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 12 de Julho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Arte Marcial > MMA > Difamação: após retirada do card do UFC 294, Charles do Bronx lida com língua infame dos inimigos