Continua a polêmica do VAR na Premiere: Árbitro pode apitar novamente.

Publicado :

No centro de uma controvérsia, o árbitro Simon Hooper assumiu o comando do VAR no confronto entre Everton e Bournemouth, após a polêmica decisão no jogo entre Tottenham e Liverpool. A decisão de mantê-lo no cargo desencadeou debates sobre a integridade da arbitragem e destacou a necessidade de mais transparência e revisão no uso do VAR. A controvérsia se estendeu para fora do campo, com o Liverpool pedindo uma investigação transparente das decisões arbitrais e buscando esclarecimentos sobre a anulação de um gol legítimo.

Árbitro no centro da tempestade assume o controle do VAR no Everton-Bournemouth

Simon Hooper, o árbitro no meio da polêmica após o jogo entre Tottenham Hotspur e o Liverpool, vai desempenhar um papel crucial neste fim de semana. Ele será o responsável por dirigir o VAR no confronto entre o Everton e o Bournemouth.

A decisão de mantê-lo em funções desencadeou debates sobre a integridade das decisões arbitrais e destacou a necessidade de maior transparência e revisão na utilização do VAR.

No entanto, Dan Cook e Darren England, os árbitros supervisores que estiveram no VAR no jogo entre Liverpool e Tottenham, não arbitraram nenhum jogo a meio da semana no segundo escalão inglês. Também não foram incluídos nos jogos da Premier League deste fim de semana.

A polêmica do VAR

O impacto do jogo polêmico entre o Tottenham e o Liverpool não se limita ao campo. O Liverpool manifestou sua insatisfação com as decisões dos árbitros e apelou a uma “investigação transparente”.

O pedido dos áudios do VAR busca esclarecer os motivos que levaram à anulação do gol legítimo. Pretende também compreender o “erro humano” que não permitiu a correção da decisão inicial.

O clube recorreu do cartão vermelho direto para Curtis Jones, o que aumenta ainda mais a tensão da situação. A polêmica destaca a necessidade urgente de uma revisão global do processo de arbitragem. Isso para garantir uma justiça desportiva adequada e para recuperar a confiança das equipes e dos torcedores.

O caso Simon Hooper e a polêmica que o envolveu expuseram as fragilidades do sistema de arbitragem da Primeira Liga.

A liga deve considerar mudanças estruturais. Procurará reforçar a integridade da arbitragem e garantir que os erros não tenham um impacto tão profundo nos resultados dos jogos.

 

Acompanhe no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 19 de Julho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol Europeu > Inglaterra > Premier League > Continua a polêmica do VAR na Premiere: Árbitro pode apitar novamente.