Grupo Globo adere às apostas esportivas e se engaja na discussão da pauta

Publicado :

As apostas esportivas estão ocupando cada vez mais espaço no cenário esportivo do Brasil. Sites que oferecem o resultado monte carlos e outras plataformas do setor, como Sportingbet, Pixbet e Bet365 ganharam relevância em times de futebol e grupos de mídia, incluindo o maior deles, a TV Globo.

A presença dos sites de apostas esportivas no futebol nacional já é uma realidade. Em maio, a CBF anunciou que o site Galera.bet havia se tornado um dos patrocinadores masters do Brasileirão. A marca patrocina a competição entre os homens e as mulheres.

Em paralelo, 19 dos 20 clubes da Série A da competição ostentam um patrocínio de alguma empresa vinculada ao mundo das apostas esportivas. Estamos falando de clubes como Flamengo, Corinthians, São Paulo, Internacional, entre outras. Clubes da Série B, como Cruzeiro e Vasco, também são patrocinados por sites do segmento.

Agora, o setor está começando a chegar também nos grupos de mídia. A TV Globo já exibe ações promocionais de empresas de apostas esportivas no intervalo dos jogos de futebol. Em novembro do ano passado, a emissora carioca anunciou vínculo com a Sportingbet. Com isso, a empresa de apostas se juntou a gigantes como Chevrolet, Grupo Petrópolis, Hypera Pharma, Vivo, Itaú e Amazon Prime.

Agora, o jornal O Globo prepara também o lançamento de um projeto relacionado às apostas esportivas. Recentemente, o editor-chefe do caderno de esportes do periódico, Thales Machado, anunciou a proposta em suas redes sociais. Ainda sob sigilo, o projeto será voltado para o setor que tem sido acompanhado de perto pelo Grupo.

Em outubro do ano passado, o jornal O Globo publicou um artigo dos deputados João Bacelar (Podemos-BA) e Felipe Carreras (PSB-PE), defensores da aprovação dos jogos de azar no Brasil e das apostas esportivas, afirmando que o jogo ilegal no Brasil movimenta mais de R$ 27 bilhões por ano, superando em quase 60% os oficiais, que geram R$ 17,1 bilhões.

No início do mês, nova reportagem do jornal carioca mostrava como a pauta está estacionada no Senado, em meio à uma disputa política que envolve a bancada evangélica e membros de áreas como turismo e hotelaria, interessados na liberação das atividades relacionadas ao jogo.

As apostas esportivas tramitam em um projeto diferente da lei que pode liberar os jogos de azar. Ambas, no entanto, sofrem das mesmas críticas: de que a atividade pode ser um campo fértil para a lavagem de dinheiro no país.

No caso das apostas esportivas, há um decreto de lei promulgado pelo ex-presidente Michel Temer, em 2018, com duração de 4 anos, que regulamenta as apostas esportivas no país. Esse decreto precisa ser “renovado” até o fim deste ano pelo presidente Jair Bolsonaro. Caso isso não ocorra, ele perde validade, deixando a atividade em um limbo jurídico maior do que o atual.

Já a Projeto de Lei que libera a prática dos jogos de azar no Brasil, como jogo do bicho, bingo e cassinos integrados a resorts foi aprovado na Câmara dos Deputados em fevereiro, mas estacionou no Senado desde então. Rodrigo Pacheco, presidente da Casa, já disse que pode votar a lei este ano, mas acha improvável que isso aconteça em meio à disputa eleitoral.

Globo

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 27 de Maio 2024

KTO Sport

Bônus

R$ 200

EsportesdaSorte Sports

Bônus

R$ 300

Parimatch Sport

Bônus

R$ 500

Starda Sport

Bônus

R$ 500

Legend Play Sports

Bônus

R$ 1.750

Roobet Sports

Bônus

R$ 80

Royalistplay Sports

Bônus

R$ 500

Leovegas Sport

Bônus

-

IZZI Sport

Bônus

R$ 100

Bet7k Sports

Bônus

R$ 7.000
Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Últimas Notícias > Grupo Globo adere às apostas esportivas e se engaja na discussão da pauta