Em nota, Santa Cruz repudia declaração de jornalista da CBN sobre apagão no Arruda

Publicado :

O radialista Leo Medrado, da CBN Recife, disse que o apagão ocorrido no jogo entre Santa Cruz x CSE, no dia 22 de maio, válido pelo Campeonato Brasileiro Série D, foi intencional e que a ordem teria partido da direção do clube pernambucano.

Aos 13 minutos da partida, quando o time alagoano partia para um contra ataque perigosíssimo, os refletores do Arruda se apagaram.

“Não seria naquele momento, mas queriam que parasse o jogo para o técnico Martelotte refizesse a configuração do time e fizesse modificações. Eu tenho essa informação de dentro do Santa Cruz. Houve uma ordem de dentro do Santa para que desligasse a energia para que fosse modificado o panorama da partida. Eu recebi essa informação de dentro do Santa Cruz”, cravou Medrado.

Em nota, o Santa Cruz repudiou veementemente as declarações do jornalista, consideradas “infundadas” pelo clube. “Lamentamos a forma descabida e inventiva como a matéria sugere uma ação criminosa e irresponsável, acusando a ocorrência de um situação inexistente”, diz trecho da nota.

“Ressalte-se ainda que, antes da veiculação da notícia inverídica, não houve sequer a preocupação de consulta junto à assessoria de imprensa, ao departamento jurídico do clube, à diretoria patrimonial ou a algum representante legal, sendo ao clube negado o direito de responder sobre a infame insinuação”, ainda diz a nota que é possível conferir abaixo, na íntegra.

NOTA DO SANTA CRUZ

O Santa Cruz Futebol Clube repudia veementemente as declarações infundadas do jornalista Léo Medrado, da Rádio CBN, inclusive na ocasião, desmentindo a notícia correta de outro jornalista, ao afirmar ter informações de que, “queriam que parasse o jogo”, “de forma proposital”, “houve uma ordem”, “de dentro do Santa Cruz, para que os refletores fossem desligados”, na partida entre Santa Cruz x CSE, disputada no Estádio José do Rego Maciel.

Lamentamos a forma descabida e inventiva como a matéria sugere uma ação criminosa e irresponsável, acusando a ocorrência de um situação inexistente, desacatando uma Instituição Centenária, respeitada no Brasil e no mundo inteiro, pela sua tradição no desporto nacional e, possuidora de uma das maiores torcidas do Brasil e do mundo, administrada atualmente por dirigentes devotados e éticos, bem como por profissionais competentes e abnegados.

Ressalte-se ainda que, antes da veiculação da notícia inverídica, não houve sequer a preocupação de consulta junto à assessoria de imprensa, ao departamento jurídico do clube, à diretoria patrimonial ou a algum representante legal, sendo ao clube negado o direito de responder sobre a infame insinuação.

Nesta oportunidade, reiteramos em homenagem ao dia Dia Nacional da Liberdade de Imprensa, comemorado nesta semana, que seguimos acreditando nos profissionais de imprensa que prezam pelo jornalismo ético, na certeza de que comentários levianos e isolados não correspondem ao bom trabalho feito pela crônica esportiva pernambucana.

O Santa Cruz reafirma a continuação do ambiente de trabalho de permanente luta pela recuperação da agremiação, em todas as suas áreas de atuação, com a união em busca do objetivo principal da temporada: o acesso à série C. A conexão entre a torcida tricolor e o time sempre resultaram em grandes conquistas.

O relacionamento do Santa Cruz com as demais Instituições esportivas do País sempre foi e continuará sendo de profundo respeito, dentro dos melhores padrões de entendimento e respeito. Esta atuação de civilidade esportiva não será enodoada por pessoas ou instituições mal intencionadas, que atuam em desserviço contra o futebol de Pernambuco.

Ademais, em todos os momentos, antes do jogo, na recepção no estádio, durante toda a partida e depois da disputa, as direções e funcionários do CSE e do Santa Cruz, estiveram em permanente contato de colaboração, inclusive ao final da partida houve cordial cumprimento protocolar dos dois Presidentes dos Clubes.

Por fim, registramos o integral respeito do Santa Cruz Futebol Clube à empresa CBN, que ao longo dos anos tem demonstrado extraordinária prestação de serviços não só ao Clube, como também ao povo pernambucano. Esperamos que pronunciamentos vergonhosos como o ocorrido e protagonizado pelo já mencionado jornalista, não mais ocorram.

Fica o repúdio. Basta de FAKES. Basta de mentiras. O Futebol de Pernambuco não merece isto. Elementos decadentes, ultrapassados e caluniadores devem ser expurgados. Deve ser feito com profissionais sérios e comprometidos com o seu crescimento.

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 19 de Julho 2024

3 comentários em “Em nota, Santa Cruz repudia declaração de jornalista da CBN sobre apagão no Arruda”

  1. Duque foi umtécnico useiro e vezeiro em utilizar essa artimanha. Ele dirigiu os três times do Recife e sempre usou desse expediente. Besteira, todo recifense sabe disso.

    Responder
Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Rádio Esportivo > Em nota, Santa Cruz repudia declaração de jornalista da CBN sobre apagão no Arruda