Menos de um ano para a Copa do Mundo – grandes seleções sob risco

Publicado :

A Copa do Mundo do Catar terá início em novembro de 2022, o que já é uma contagem regressiva para uma copa histórica. O mundial é sempre palco de grandes disputas, e destas fazem parte tanto seleções de qualidade quanto atletas de ponta. No entanto, grandes nomes podem ficar de fora desta vez.

O embate pré-Copa mais importante é o que ocorrerá entre Portugal e Itália, e que eliminará uma das grandes seleções da disputa. Isto deixará de fora nomes como Cristiano Ronaldo, um dos atletas que podem ficar de fora da competição. Alguns se preocupam com isto para saber se valerá a pena e por quem torcer na Copa, outros para preparar sua estratégia de palpites online e usar promoções como o código de bónus Betclic.

Grandes atletas que poderão ficar de fora
Enquanto os nomes Dzeko, Haaland e Aubameyang já foram removidos da competição, há esperança para alguns outros. Cristiano Ronaldo, Lewandowski, Ibrahimovic, Bale e Mané são alguns dos jogadores que talvez não poderão demonstrar o seu desempenho na Copa de 2022.

O resultado virá da repescagem europeia a ser realizada no final de março, pouco antes do sorteio que definirá a fase de grupos. Itália e Portugal enfrentarão Macedônia do Norte e Turquia, respetivamente, e apenas uma conseguirá a sua vaga, no que possivelmente é a eliminação com maior expectativa antes do mundial.

Os campeões europeus da Itália devem estar bastante preocupados com a possibilidade de terem que suportar uma segunda ausência. Isto deve ser especialmente verdade para Immobile, que ficou na reserva em 2014, na Copa que aconteceu no Brasil.

No grupo B da repescagem, o polonês Lewandowski, atual melhor do mundo pela FIFA, precisará passar pela Rússia e conta com favoritismo para isto. Ele terá que superar o fantasma de 2018, quando não fez nenhum gol na Copa da Rússia.

Outros nomes não tão lembrados
Em meio à turbulência europeia, pode passar despercebido o fato de que outros grandes atletas poderão não figurar na próxima Copa. Um exemplo é Suárez, que ainda acredita no reavivamento do Uruguai, na sétima posição das Eliminatórias Sul-Americanas. Já a Copa Africana das Nações ainda começará a definir as seleções e os jogadores que ocuparão as cinco vagas para o continente.

Desta Copa Africana, nomes como Mohammed Salah e Saio Mané estarão a disputar as vagas com as suas equipas. No entanto, pelo caminho, pode ser que as seleções egípcia e senegalesa, respetivamente, venham a se enfrentar mais à frente.

Aubameyang, por outro lado, já é uma certeza de fora desta disputa. Ele é um nome garantido em meio a outros, já citados aqui, que acompanharão a Copa do Catar pela televisão.

Aos torcedores e aqueles que arriscam palpites sobre a Copa do Mundo certamente estão a acompanhar estes preparativos. Quando não, terão surpresas ao assistirem aos primeiros eventos transmitidos, sejam por meio de serviços de streaming ou até mesmo por transmissão em directo nas casas que oferecem palpites online.

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 15 de Julho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Últimas Notícias > Menos de um ano para a Copa do Mundo – grandes seleções sob risco