Coluna do Professor #382, por Albio Melchioretto (Star+ e HBO Max: qual é o melhor?)

Publicado :

Foram diversas as oportunidades que a coluna criticou o uso do streaming para o esporte. Já faz anos que a realidade das transmissões esportivas via rede de internet é uma realidade inevitável. Evidente que para acompanhar um evento esportivo por streaming e consumidor depende de uma boa conexão à internet. Os serviços prestados no Brasil são caros e, ao mesmo tempo, apresentam inúmeras instabilidades. O que torna o acesso a tais serviços uma experiência nem sempre agradável.

Com o conhecimento das dificuldades, nos últimos dias, a coluna dedicou tempo para degustar dois serviços, o HBO Max e o Star Plus. Ambos são serviços de cinema e esportes. O ponto de comparação dos serviços foi o DAZN, pioneiro, se assim se pode dizer, de serviços de esporte na rede. A intenção é pensar o esporte e não o cinema neste contexto.

Albio Melchioretto
albio.melchioretto@gmail.com
@professoralbio

O HBO Max, nasce com um serviço de filmes. A questão esportiva entra com foco no Brasil. Conta com o que é o suprassumo para o torcedor brasileiro: alguns jogos no Nacional e a Champions. Há notícias que num futuro próximo os jogos do Estádio TNT Sports possam ser agregados. Até agora, apenas conversa de colegas colunistas, nenhuma confirmação oficial. O preço é mais atrativo que vários concorrentes, e aqui, melhor que o serviço da Disney. Em julho, houve a promoção de 50% off vitalícia. Bem atrativo. Mas há vários problemas. A navegação é um tanto confusa, não há aba especial para os jogos e é muito difícil navegar com uma programação futura, assim como é do DAZN. O aplicativo apresentou vários problemas e a WarnerMídia cogita re-lançar o app em janeiro, com novos programadores. Os jogos ficam disponíveis apenas no “ao vivo”. Além disso, há vários e vários relatos de instabilidade do aplicativo, para além da instabilidade da rede.

O Star Plus, serviço do grupo Disney, que já conta com o Disney Plus. Tem um vasto cardápio para o fã do esporte, com competições exóticas, como o Uruguaio de Rugby e muito futebol alternativo. Fácil navegação. Já na aba principal o assinante consegue localizar o catálogo ESPN no Star+. Algumas competições e jogos possuem a função reprise. Para muitos, como este vos escreve, acompanhar jogos em horário alternativo, é uma alternativa muito importante. Entretanto, o preço do serviço é mais caro que o HBO Max. Muitos jogos não contam com narração em português. O serviço não apresenta degustação free, que é uma prática comum. Assinar Star Plus é um salto no escuro. E talvez o maior defeito, foi esvaziar o ESPN App, migrando várias competições de lá para a plataforma. A programação é mais fácil de se encontrar que o HBO, porém, poderiam se espelhar no modo DAZN de mostrar a programação.

Se falou tanto do DAZN, porém, lhe falta o principal, o que mostrar!

E para você leitor, qual é o melhor HBO Max ou Star Plus?

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 24 de Julho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Últimas Notícias > Coluna do Professor #382, por Albio Melchioretto (Star+ e HBO Max: qual é o melhor?)