Os desafios da Warnermedia para seguir com os direitos da Liga dos Campeões

A Warnermedia oficializou, na semana passada, seu interesse em renovar os direitos da Liga dos Campeões da Uefa (Champions League) pelas próximas três temporadas – 2021/22, 2022/23 e 2023/24, mas terá que superar a resistência da Uefa que reclamam nos bastidores da falta de penetração da competição no Brasil. A informação foi publicada pelo blog do Gabriel Vaquer no UOL Esporte.

A confederação pretende priorizar propostas de canais com maior alcance para o próximo ciclo. Para isso, a Team, agência que vende os direitos, preparou um pacote para TV aberta – como informou o colunista Rodrigo Mattos, em janeiro.

Para convencer a Uefa, a Warner aposta no alto número de correspondentes internacionais, a exibição de todos os jogos através de uma plataforma de streaming e o fato de marcar presença nos pacotes mais básicos da TV paga como a TNT e Space.

A Uefa ainda tem o entendimento que, dentro da TV fechada, o evento ganharia mais repercussão em um canal esportivo com grade totalmente voltada para os jogos.





TNT

TNT Sports

TV Fechada

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 20 de Fevereiro 2024

Legend Play Sports

Bônus

R$ 1.750

Royalistplay Sports

Bônus

R$ 500

Leovegas Sport

Bônus

R$ 150
Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Últimas Notícias > Os desafios da Warnermedia para seguir com os direitos da Liga dos Campeões