Nando Gross critica intenção da CBF de comercializar direitos de transmissão para emissoras de rádio

Atualizado :

O comentarista esportivo e gerente geral da Rádio Guaíba de Porto Alegre, Nando Gross, se posicionou contra a intenção da CBF de comercializar direitos de transmissão de eventos para emissoras de rádio. No último domingo (13), ele disse que a medida será uma tragédia para o mercado, desempregando muita gente. Gross, porém, considera que para isso venha ocorrer será ncessário alterar a Lei Pelé que, em seu artigo 42, se refere apenas ao direito de imagem.

A propósito, para Gross há uma diferença entre direito de imagem e transmissão em áudio. Segundo ele, o que o rádio apresenta é uma narração, ou seja a visão do locutor que está irradiando a partida. A televisão, por sua vez, ela compra os direitos de uma imagem que, para ele, já vem pronta. Se as emissoras quiserem, podem apenas exibir a imagem, com o som da torcida, sem qualquer tipo de narração. “O áudio é diferente. Tem alguém que está contado a história. Não nos dão pronto como dão para a televisão”, concluiu.

Ouça no player abaixo o comentário de Nando Gross sobre o caso, em uma cortesia do blog Rádioamantes, de Rodney Brocanelli.




Rádio Esportivo

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 24 de Junho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Sem categoria > Nando Gross critica intenção da CBF de comercializar direitos de transmissão para emissoras de rádio