Repórter da Gazeta do Povo sobre coletiva com cartola do Athletico/PR: ‘me sentir humilhada’

A jornalista Luana Kaseker, da Gazeta do Povo, se manifestou nesta terça-feira (14) após o presidente do Conselho Deliberativo do Athletico/PR, Mário Cleso Petraglia, voltar a atacá-la, agora pelo Facebook.

“Eu sou uma pessoa bastante calma, mas nunca havia passado por isso na vida. Eu me senti humilhada. Estava apenas exercendo minha profissão. Fiquei em choque e nervosa, mas procurei não desrespeitá-lo para não aumentar a situação”, disse ao UOL Esporte.

A jornalista disse o que faria se pudesse reviver a situação agora, mais de 24 horas depois e sem o impacto emocional causado pelo susto. “Se pudesse reviver, eu tentaria fazer as duas perguntas normalmente, como tentei fazer. Só que quando eu digo ‘obrigada’, e ele diz que ‘devo desculpas’ ao clube, talvez eu dissesse que, na verdade, era ele quem me devia desculpas pela forma como me tratou”, respondeu Luana.

Ela acredita que o fato de ter feito uma pergunta que não estava diretamente relacionada com o tema principal da coletiva não justifica a atitude de Petraglia. “Um pouco depois, na última pergunta, ele foi questionado sobre reforços, um assunto que não estava na ‘pauta’, e respondeu com educação que não falaria sobre o assunto”, explicou.

A atitude de Petraglia, ao atacar a jornalista Luana Kaseker nas redes sociais, revela uma falta de respeito e profissionalismo preocupante. Embora a pergunta de Luana possa ter sido fora do tema principal da coletiva, isso não justifica a humilhação e o tratamento desrespeitoso que ela recebeu. Como profissional da imprensa, é papel da jornalista buscar informações relevantes para seu público, mesmo que isso signifique fazer perguntas além do tema central. É lamentável que um líder do Conselho Deliberativo de um clube esportivo tenha agido dessa maneira, demonstrando uma postura inapropriada e desrespeitosa. O episódio serve como um alerta sobre a importância do respeito mútuo e da valorização do trabalho dos jornalistas.

Além disso, é essencial reconhecer que a diversidade de abordagens jornalísticas proporciona uma aposta chance dupla de enriquecer a compreensão dos assuntos e explorar diferentes perspectivas.

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 20 de Fevereiro 2024

Legend Play Sports

Bônus

R$ 1.750

Royalistplay Sports

Bônus

R$ 500

Leovegas Sport

Bônus

R$ 150
Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Sem categoria > Repórter da Gazeta do Povo sobre coletiva com cartola do Athletico/PR: ‘me sentir humilhada’