A necessidade de noticiar qualquer coisa, por Alípio Jr.

Atualizado :

Alipio Jr. – colunista do esporteemidia.com
@alipiojr

A necessidade de noticiar qualquer coisa

Na última semana a Seleção Brasileira demonstrou sua incapacidade de gerir crises e a imprensa nacional, demonstrou o quão ansiosa está por um escândalo. Qualquer um que seja.

A CBF precisou cortar o lateral-direito Maicon, conforme foi sabido depois, por indisciplina e descumprimento do horário da reapresentação. Porém, ao invés de apenas anunciar que houve o descumprimento de uma norma e por isso o atleta estava cortado, anunciaram o corte e disseram que o motivo nao deveria ser perguntado nem a eles e nem ao atleta. Como assim?

Em que mundo estamos para a CBF achar que bastava essa simples solicitação para que todos se calassem? Isso é meio surreal. Lembrei da infancia, quando nega-se algo para a criança e os pais apenas dizem “porque nao” ou “porque sim”. Foi de uma inocência amadora, achar que apenas esse pedido acalmaria a Imprensa que, ansiosa por uma fofoca, começou a cogitar tudo o que podia.

Confusão maior aconteceu quando o portal Olé do Brasil, conhecido site de humor, que vive de fazer piada com as mazelas e realidades do nosso futebol brasileiro, compartilhou algumas possíveis teorias. Parte da imprensa, que atualmente ignora completamente o conceito de verificar a fonte, tomou uma piada como verdade e o reproduziu em vários locais. Engraçado notar como vários portais usaram a mesma notícia, e a coisa ficou séria, obrigando aí sim, que a CBF noticiasse o que de fato aconteceu.

Nota-se a sucessão de erros do começo ao fim. Primeiro da CBF que tentou esconder algo que não precisava, que em algum momento seria sabido e que poderia ter evitado esse transtorno todo. Segundo, da mídia esportiva que precisa se decidir se quer falar de esportes ou de fofoca. Por que pareciam tabloides ingleses, ávidos por fofocas, abraçando todas as teorias conspiratórias, estapafúrdias e que tais, apenas para ganhar alguns likes e visualizações.

Isso demonstra que algo está muito errado não só na Confederação que rege o futebol nacional, como também no entorno do negócio. Urge entendermos o que é importante e remar contra o panorama mundial de privilegiar boatos em detrimento de averiguações, checagem de fontes e certeza para divulgar afirmações.



Alipio Jr.

Aposta nas melhores casas de apostas do dia 14 de Junho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Sem categoria > A necessidade de noticiar qualquer coisa, por Alípio Jr.