Justiça aplica multa a Juca Kfouri por propaganda política antecipada

Atualizado :

Uma decisão do juiz Marcelo Rubiolli condenou o candidato do Psol à prefeitura do Rio de Janeiro (RJ), Marcelo Freixo, e o jornalista da Espn, Juca Kfouri (foto) a uma multa de R$ 5 mil cada um por propaganda eleitoral antecipada. A representação foi feita pelo PSDB carioca. Na decisão, segundo o Terra, o juiz argumenta que o pré-candidato usou a entrevista que deu no rádio a Kfouri para “não só criticar o governo atual, fazendo-lhe oposição, mas também para promover a imagem do segundo representado (Freixo), deputado estadual”.

A sentença ainda afirma que, da parte de Kfouri, “foram enaltecidas as qualidades pessoais do segundo representado, chegando o primeiro (o jornalista) a dizer que seria um sonho vê-lo abrindo a Copa do Mundo, ou fechando-a, em clara alusão à sua eleição ao cargo de Prefeito da cidade do Rio de Janeiro”.

Kfouri, que pretende recorrer da decisão, esclareceu que a entrevista, ao contrário do que diz a sentença, foi feita no canal de TV Espn, e não na rádio. Além disso, afirma que foi feita fora do período eleitoral e para falar sobre Jogos Olímpicos, Copa do Mundo e sobre as pessoas que estão sendo retiradas de suas casas de forma arbitrária, segundo ele, para obras da prefeitura.

“Depois disso, o pré-candidato do PSDB, Otávio Leite, tentou ser entrevistado por mim, e mandou três ou quatro pedidos em que dizia ter a ‘intenssão’ (sic) de ser entrevistado. Respondi que não tinha interesse e que eles teriam que aprender a escrever, já que a palavra intenção é com cedilha” disse Kfouri. “Repito o que já escrevi no meu blog, que Franco Montoro e Mario Covas devem estar se revirando no túmulo sabendo que têm Otavio Leite no partido. E repito todos os elogios que fiz ao Freixo” afirmou o jornalista.


Aposta nas melhores casas de apostas do dia 13 de Junho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Sem categoria > Justiça aplica multa a Juca Kfouri por propaganda política antecipada