Jornal italiano inclui Gabigol na lista dos maiores fracassos da Inter de Milão no século 21

O jornal esportivo italiano La Gazzetta dello Sport incluiu Gabigol na lista dos maiores fracassos da Inter de Milão no século 21, citando sua contratação por 33,5 milhões de euros em 2016. O atacante brasileiro, que assinou um contrato de cinco temporadas, marcou apenas um gol em 10 jogos. Vampeta, também mencionado na lista, é descrito como mais interessado em festas do que em jogar, durando apenas oito meses na equipe.

Em pleno Natal, o jornal esportivo italiano La Gazzetta dello Sport deu um presente de Grego para Gabigol com uma indesejada honraria: foi incluído na lista das piores contratações da Inter de Milão no século 21.

Contratado pela Inter de Milão em 2016 por uma quantia expressiva de 33,5 milhões de euros, a publicação destacou o desempenho do jogador como abaixo do esperado, situando-o no “time do fracasso” do tradicional clube italiano.

“Um erro chamado Gabigol”

O atacante, que assinou um contrato de cinco temporadas, logo após ganhar as Olímpiadas ela Seleção Brasileira, viu sua passagem pela Inter resumir-se a apenas 10 jogos, nos quais marcou apenas um e solitário gol.

“Um erro sangrento chamado ‘Gabigol’. Na realidade, o sentimento de Gabriel Barbosa com o gol se revelou muito fraco, senão inexistente. Comprado por 33,5 milhões no verão de 2016 após conquistar o ouro olímpico com a seleção, marcou apenas um gol em dez partidas após uma apresentação com grande alarde e comparações com Ronaldo e Neymar”, escreveu o portal

“Pesado e fora de ritmo”

Segundo o La Gazzetta dello Sport, o jogador enfrentou um período conturbado no banco dos Nerazzurri, com três trocas de treinadores em um ano. Porém, não deixou de lembrar que também não durou muito no Benfica, time para onde foi transferido após sair do inter.

“Pesado e fora de ritmo, o brasileiro também pagou pelo ano conturbado no banco dos Nerazzurri, com três treinadores se revezando no comando do time, de De Boer a Pioli e Vecchi. Um ano depois foi emprestado ao Benfica, onde permaneceu apenas seis meses”, escreveu o jornal italiano.

Vampeta também foi incluído na lista

Ao lado de Gabigol, Vampeta, já aposentado, também integra o rol de desapontamentos na história recente da Inter de Milão. Segundo o jornal italiano, o volante brasileiro gostava mais de festas do que de jogar.

Por isso, sua permanência na equipe foi breve, durando apenas oito meses. Por outro lado, o jornal destaca que a saída de Vampeta abriu espaço para a contratação de Adriano Imperador, que se tornou um ídolo do clube.

Acompanhe notícias do esporte no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais.

notícias

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol Europeu > Itália > Jornal italiano inclui Gabigol na lista dos maiores fracassos da Inter de Milão no século 21