Messi mereceu o prêmio de melhor jogador do mundo? Saiba a opinião de Ronaldinho Gaúcho

Ronaldinho defendeu a vitória de Messi no prêmio The Best, destacando a justiça da escolha do argentino. O empate nas votações foi desfeito a favor de Messi pela regra da FIFA. Cristiano Ronaldo expressou descrença nos prêmios, enfatizando a análise da temporada.

Após a polêmica que envolveu a última premiação de Lionel Messi ao conquistar o prêmio The Best, Ronaldinho defendeu o argentino das críticas. Para o Mago, o ET foi um justo vencedor do prêmio concedido pela FIFA ao melhor jogador da temporada.

“Eu sempre evito polêmicas, mas bem… Messi é um dos melhores de todos os tempos. Para mim, ainda é o melhor do mundo, é muito simples”, afirmou Ronaldinho.

As declarações do ex-atacante do Barcelona ocorreram dias depois de as redes sociais entrarem em debate sobre quem merecia o prêmio: Messi ou Haaland. No entanto, os resultados das votações para escolher o vencedor evidenciaram que a vitória de Leo foi justa.

Como funciona a votação do The Best?

Os capitães e treinadores de cada seleção, que não podem escolher companheiros de sua seleção, deram cinco pontos ao primeiro lugar, três ao segundo e um ao terceiro. Além deles, um jornalista por país e os votos dos torcedores somaram pontos para a escolha final.

Diante disso, houve um empate entre Lionel Messi e Erling Haaland, mas o ’10’ ficou com o prêmio por uma regra da FIFA. No artigo 12 das Regras de Atribuição, estabelece-se que, em caso de empate no encerramento das votações, desempatará quem tiver recebido mais votos de “cinco pontos”.

Isso aconteceu porque os capitães concedem os “cinco pontos”. Dessa forma, a Pulga obteve 677 pontos e superou os 557 de Haaland e os 282 de Kylian Mbappé.

Cristiano Ronaldo discordou da premiação de Messi?

O atacante português, que conquistou três distinções no Globe Soccer Awards, expressou a crença de que esses prêmios estavam perdendo credibilidade. Segundo Cristiano, é preciso analisar toda a temporada, embora tenha esclarecido que isso não significa que Messi, Haaland ou Mbappé não merecessem o prêmio.

Além disso, afirmou que já não acredita mais nesses prêmios, mas não porque tenha vencido o Globe Soccer, porque os números não mentem. Por outro lado, alegou que sempre pensa primeiro em seu clube e na seleção, então não dá muita importância aos prêmios.

“Dos 54 gols que marquei, haverá quem diga que é mais fácil porque estou na Arábia Saudita. Mas os profissionais do futebol sabem que é difícil marcar gols, seja na Arábia Saudita, na Itália, Espanha ou Portugal”, comentou o gajo.

Acompanhe notícias do esporte no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossas novidades através das redes sociais.

notícias

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol de Seleções > Messi mereceu o prêmio de melhor jogador do mundo? Saiba a opinião de Ronaldinho Gaúcho