Não importou a punição: a Juventus renovou com Fagioli

Publicado :

O meio-campista italiano assinou até 2028.

Nicolo Fagioli renovou seu contrato com a Juventus, algo que era um segredo aberto. A diretoria da “Vecchia Signora” decidiu estender o vínculo do jovem italiano até 2028, apesar da suspensão de sete meses imposta pela Federação Italiana de Futebol. Isso foi confirmado por meio de um comunicado publicado em suas redes sociais oficiais.

“A Juventus tem o prazer de anunciar que o contrato de Nicolò Fagioli foi renovado até 30 de junho de 2028. Assim continua o relacionamento com Nicolò, que está na Juventus desde as categorias de base, quando tinha apenas 14 anos”, começou o comunicado.

Na época, a Juve manifestou seu apoio ao jogador. Eles divulgaram um comunicado garantindo que estariam ao lado dele para ajudá-lo no processo de enfrentar sua punição.

Além disso, instaram-no a seguir o plano terapêutico para se recuperar do vício em jogos, estabelecido por seis meses, além do pagamento da multa de 12.500 euros. Deixaram claro que confiam que Fagioli sairá dessa situação complicada sem problemas para voltar aos campos.

Foi sob essa perspectiva que ocorreu a renovação, um movimento que representou outro apoio ao jovem jogador. Fagioli se arrependeu do que fez e cumprirá sua punição para retornar mais saudável.

Ele estreou na primeira divisão em 22 de fevereiro de 2021. Depois foi emprestado e retornou para se firmar como um dos pilares do time titular do técnico Massimilliano Allegri. Tanto é assim que na última temporada ele disputou 37 jogos em todas as competições, com três gols e cinco assistências.

Ele foi peça importante nos bons resultados da Serie A, embora uma punição os tenha deixado fora da Liga dos Campeões, e decidiram não participar de competições europeias para evitar problemas em relação a outras irregularidades cometidas pela diretoria anterior.

 

Nicolo Fagioli

O diretor esportivo do clube, Cristiano Giuntoli, também se pronunciou sobre essa decisão polêmica da Vecchia Signora, que responde a uma estratégia para mostrar apoio ao seu jogador.

“A renovação do contrato do jogador vai exatamente nessa direção, mas não apenas porque Nicolò é um jogador muito importante para nós; sua qualidade técnica e inteligência tática são conhecidas por todos, e estamos convencidos de que seu retorno ao campo será um valor fundamental adicionado para nós”, afirmou o dirigente.

Nascido em Piacenza, estreou pela Seleção Italiana principal em um amistoso contra a Albânia, com Roberto Mancini como técnico. Entrou nos últimos minutos no jogo disputado em 16 de novembro de 2022.

Por outro lado, o dirigente enfatizou sua motivação e confiança de que essa jogada será bem-sucedida para a equipe de Turim. A bola está nos pés de Fagioli, e agora cabe a ele decidir como enfrentar essa situação com toda a responsabilidade.

“Continuamos apoiando Nicolò Fagioli em seu caminho terapêutico e educacional, e queremos oferecer todo o apoio que ele precisará nos próximos meses. Por isso, Fagioli deve saber que pode continuar trabalhando, treinando todos os dias com a equipe, com a serenidade necessária. E ele também sabe que contamos com ele e o aguardamos”, acrescentou.

Sua primeira vitória foi quando ele se destacou nos jogos de sua equipe, o que evitou que ele recebesse a punição máxima, que poderia ser de três anos de suspensão.

*

*

Acompanhe notícias do esporte no X (antigo Twitter):

Siga @esporteemidiabr no Instagram e Twitter e tenha acesso às nossa



Aposta nas melhores casas de apostas do dia 15 de Julho 2024

Deixe um comentário

Você está aqui: Início > Futebol > Futebol Europeu > Itália > Serie A Itália > Não importou a punição: a Juventus renovou com Fagioli